Como iniciar no marketing digital do zero

Que o marketing digital ajuda muitas empresas a conquistarem novos clientes não é nenhuma novidade, mas como iniciar no marketing digital do zero, sem perder tempo e dinheiro com estratégias ineficazes? Nesse artigo, vamos conversar sobre formas simples e certeiras de alcançar seus objetivos através da mídia on-line e o que não fazer no marketing digital quando se está começando. Segue comigo! Tópicos abordados:


O que é marketing digital? Marketing digital é pirâmide? Como marketing digital funciona? Quais são as principais estratégias de marketing digital para quem está começando?



O que é marketing digital?

Marketing Digital é toda divulgação comercial de um produto ou serviço feito via internet, seja através de redes sociais (Instagram, Facebook, LinkedIn, YouTube), ou via propaganda paga e/ou gratuita em buscadores como Google e Yahoo, por exemplo. Envios de e-mail marketing, mensagens de WhatsApp e Inbound e muitos outros também entram nesta categoria.


Vale a pena lembrar que na última década vimos o crescimento de uma série terminologias para abordar o tema, aliás se tem uma coisa que publicitário gosta de inventar é nome, muitas vezes para falar de técnicas óbvias e já amplamente utilizadas. Não se espante se você precisar de um dicionário de marketing digital para entender certas coisas. Mês sim, mês não, alguém cria um curso e nomeia antigas técnicas com novos nomes. A essência, na maioria das vezes, permanece a mesma.


Marketing digital é pirâmide?


Não. Essa é outra confusão criada há alguns por empresas de pirâmide e marketing multinível. É provável que quem faça parte de empresas com essa formatação recorra ao marketing digital para divulgar seus produtos, porém, o negócio de uma empresa de marketing multinível não tem nada a ver com a comercialização de marketing digital.


O Marketing on-line trabalha com métricas e números precisos e muita tecnologia envolvida. Nessa seara, é preciso entender que há muitas técnicas empregadas para que seu anúncio alcance o objetivo de ser convertido em venda.

Como o marketing digital funciona?

Antes de falar como o marketing digital funciona, é preciso elucidar como os buscadores e redes sociais funcionam. O que são buscadores da web? São todos os sites que se propõem a realizar buscas na internet das pesquisas feitas pelo usuário. Nessa categoria encontramos: Google, Yahoo e Bing como os principais. Essas empresas se utilizam de um processo grande e complexo de cruzamento de dados, pautado e 3 grandes pilares:

Hábitos de busca do usuário x Localização (tanto de quem busca quanto da empresa que oferece o item buscado) x relevância/qualidade dos sites.

Logo, uma pessoa localizada no Rio de Janeiro que digita "pizzaria delivery" no Google, verá nas primeiras posições do Google empresas com esse serviço mais próximas de seu endereço de busca e com sites considerados mais confiáveis e/ou normalmente mais acessados por este usuário.

É por isso que é comum escutarmos donos de empresas (que obviamente acessam com regularidades seus próprios sites), reclamarem que não entendem o porque, mesmo sua empresa aparecendo para eles nas primeiras posições do Google, recebem pouco acesso. Como o hábito de busca do usuário é um dos pilares utilizados no cruzamento de dados dos buscadores, devemos entender que nossa busca é "viciada" e muitas vezes não reflete a realidade. Se essa pessoa que busca por "pizza delivery" tem o costume de comprar via site da Pizza Hut, esse site será privilegiado ao pesquisar este termo no Google.

Até aqui falamos sobre busca orgânica ou não paga, ok? Dentro desse mesmo campo, teremos também os anúncios de link patrocinado ou anúncios pagos que funcionam com leilão por palavra-chave. Ou seja, eu sou uma empresa que vende pizza e desejo conseguir mais clientes para o meu negócio, posso pagar para “pular a fila” das outras empresas e aparecer de forma paga quando alguém buscar pelo que ofereço.

Quando falamos de link patrocinado, trabalhamos com os mesmos três pilares da busca orgânica, somados ao valor oferecido no leilão mais o histórico de campanhas pagas. Basicamente, a diferença é que o anunciante precisa ter todas as qualidades da busca não paga somadas a uma verba adequada para anúncio e um histórico de anúncios interessantes que façam as pessoas clicarem em suas propagandas. Já as redes sociais também trabalham com cruzamentos de dados, porém com uma lógica diferente. Enquanto nos buscadores temos um cliente procurando por um produto ou serviço específico ativamente, as mídias trabalham com um “namoro” aos seus possíveis targets, baseadas em seus hábitos e perfis. De maneira geral e não absoluta podemos dizer que se você busca cliente ávidos pelo seu serviço just in time, deve investir em link patrocinado e utilizar as redes sociais para estabelecer e alimentar um relacionamento com seus consumidores, para que desta forma, toda vez que seu cliente precisar de serviços ou produtos que você oferece, lembre-se de cotar com sua empresa, o famoso market share. Quais são as principais estratégias de marketing digital para quem está começando?

A primeira coisa que eu gostaria que você se perguntasse antes de eu responder isso, é o quanto você tem disponível para investir em marketing digital e a segunda, o tempo que você tem para se dedicar a esse projeto. Estou falando isso, porque vejo uma série de empreendedores querendo fazer mil estratégias super bacanas de marketing digital, mas com pouca verba e tempo para tal; nesse caso, é melhor eleger uma ou duas estratégias mais simples e fazê-las com perfeição. Aqui, gosto sempre de fazer uma analogia: imagine que você visita um show room de carros e fica encantado com uma Ferrari à venda. Você a compra e quando chega em casa percebe que estourou sua verba. No dia seguinte, você se dá conta que não tem dinheiro para o valor de manutenção nem combustível da sua Ferrari. Logo, você está com um baita carro na garagem, mas não irá a lugar algum. Assim é com marketing digital. Não existe marketing digital com boa captação de leads sem investimento em link patrocinado. Cada segmento, com mais ou menos concorrência, exige um investimento maior ou menor em propaganda on-line. Sem isso, seu site e redes sociais não passarão de lindos cartões de visita guardados no bolso.

Ok, mas qual seria uma boa estratégia para quem está começando? Sempre indico que meus clientes comecem com um site de boa performance, páginas de capturas eficientes e links patrocinados. Se possível, redes sociais também. Se o cliente só tem verba para investir no Google, sugiro que deixe as redes sociais em segundo lugar. Dessa forma, terá diariamente leads de clientes procurando pelo seu serviço ou produto. O famoso “estar na hora certa no lugar certo”. Porém, é preciso salientar que, dependendo do tipo do seu negócio, seus leads precisarão de um certo investimento em relacionamento até que confiem em você suficientemente para realizarem sua primeira compra. Para isso, tanto as redes sociais como outras estratégias mais avançadas como inbound, por exemplo, precisarão ser utilizadas. Boa sorte!


Clarice Coelho



  • youtube cdc marketing
  • instagram cdc marketing
  • facebook cdc marketing
  • linkedin cdc marketing