• CDC Marketing

As Cores no Marketing

Desde a antiguidade até os dias de hoje as cores são uma representatividade do nosso mundo. O homem busca a cor para se expressar, citando, por exemplo, pinturas corporais de guerreiros antigos e indumentárias de cortes do mundo inteiro, mostrando nobreza e status. Visitando as grandes catedrais, podemos ver os vidrais coloridos e bem trabalhados, tudo nas cores que para quem está observando entenda a mensagem que deve ser passada. Muitas vezes dependendo da região, podem ter um significado sem uma descrição ou sendo conhecidos universalmente como os sinais de trânsito, definidos pelo verde, amarelo e vermelho. Expressões como “roxo de raiva” ou “vermelho de vergonha” com certeza já foram ouvidas. Não há como negar, o homem é atraído por uma infinidade de tons e cores.


Se usada de maneira eficiente, a teoria das cores é uma das ferramentas mais poderosas à disposição de designers, decoradores e arquitetos. As cores são uma forma de comunicação não verbal, que transmite muita informação em questão de segundos. Elas podem criar diferentes estados de espírito, expressar sentimentos, invocar uma reação emocional ou inspirar pessoas a agirem de determinada forma. Assim, escolher as cores certas pode ter um efeito poderoso. As cores nos afetam mental e fisicamente; consciente e inconscientemente.

Psicólogos sugerem que as cores podem contribuir com até 60% na aceitação ou rejeição de um produto ou serviço. Uma boa escolha de cores nunca deve ser negligenciada no web design.

A psicologia das cores influencia diretamente nas decisões das pessoas, algumas pesquisas indicam que entender a psicologia das cores é tão importante que:

  • 93% dos consumidores avaliam os aspectos visuais do produto;

  • 80% das pessoas dizem que simpatizam com uma determinada marca e lembram dela somente quando a mesma possui as cores da sua preferência;

  • 42% dos consumidores online baseiam sua decisão de compra de acordo com o designer e as cores de um site;

  • 60% das pessoas estão dispostas a comprar um produto se a palavra “Garantido” estiver associado ao mesmo.

Com base em estudos, foi criado o  círculo cromático, para representar as cores que o olho humano consegue reproduzir. É dividido em cores frias e quentes e utilizado para formar harmonia entre elas.


Marcas e Cores



Claro que todas essas questões são subjetivas e sujeitas a gostos e misturas. Por exemplo, uma marca da área da saúde composta pelas cores verde e azul, transmite intuitivamente ao seu público a sensação de limpeza, saúde, equilíbrio e seriedade. A escolhas das cores, ao montar uma marca é um fator de crucial importância, pois a nossa primeira leitura de mundo é inconsciente e subjetiva. Uma paleta de cores inadequada pode de fato, atrapalhar a impressão que se deseja transmitir e confundir o público alvo da marca.

Após todas essas dicas, vamos colocar cor no mundo!!!



47 visualizações
  • linkedin cdc marketing
  • instagram cdc marketing
  • facebook cdc  marketing

Siga-nos:

Receba nossas novidades